População de mais três estados do país começa a receber no celular, gratuitamente, alertas de desastres naturais

8

A população dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e Rio Grande do Sul começaram a receber mensagens de celular com alertas da Defesa Civil.  O serviço é gratuito. Coordenado pelo Ministério da Integração Nacional, em parceria com a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) e operadoras de telefonia móvel, o sistema tem o objetivo de orientar a população quanto aos procedimentos a serem adotados diante do risco de inundações, alagamentos, temporais ou deslizamentos de terra, entre outras ocorrências.

“Decidimos apostar na tecnologia para reduzir também os riscos e impactos dos desastres naturais ocorridos no Brasil. Nosso papel na prevenção fica ainda mais direto e ativo”, destaca o ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho. É um serviço inédito no Brasil. “Temos plena segurança de que será melhor para todos ao oferecer às pessoas a chance de ter, diretamente em seus telefones, as condições e alertas para tomar providências rápidas e evitar que sejam atingidas por desastres”, enfatiza Élcio Barbosa, diretor do Centro Nacional de Gerenciamento de Riscos e Desastres (Cenad), departamento da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec), do Ministério da Integração.

Serviço – Os avisos serão enviados aos telefones assim que forem identificadas situações de riscos que possam acarretar desastres naturais. Para ter acesso ao serviço, os usuários precisam cadastrar o Código de Endereçamento Postal (CEP) de interesse, respondendo à mensagem SMS encaminhada pelas operadoras de telefonia móvel. Os conteúdos das mensagens serão produzidos e enviados pelo Cenad, em parceria com os órgãos de Defesa Civil de estados e municípios.

O cadastro tem início com a seguinte mensagem: “Defesa Civil Nacional informa: novo serviço de envio de SMS gratuito com alertas de área de riscos. Para se cadastrar responda para 40199 com CEP de interesse”. Ao responder indicando o CEP, o celular do usuário está apto a receber alertas da Defesa Civil. É permitido cadastrar mais de um CEP. A qualquer momento, se o usuário desejar, também é possível cancelar o serviço por mensagem de texto.

Estados – O secretário adjunto da Defesa Civil do Estado de Santa Catarina, Fabiano Sousa, defende que o sistema de notificação de emergência via SMS, pelo celular, muda a maneira de trabalhar alertas de desastre no Brasil. O primeiro alerta SMS do sistema foi enviado em Santa Catarina, para cerca de 400 moradores do município de Ponte Serrada, ainda na fase piloto. “A gente faz com que a população receba o alerta, a informação chega diretamente nela”, explica.

Em janeiro, Goiás, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais também passam a receber os avisos. A expectativa é que até março de 2018 todos os estados brasileiros sejam contemplados. Os alertas foram testados durante seis meses em 25 cidades de Santa Catarina e Paraná, atendendo a mais de meio milhão de usuários da telefonia móvel. Com a ampliação em novembro para o estado de São Paulo, o serviço de Alertas via SMS já atingiu 1,08 milhão de usuários cadastrados. Até o momento já foram enviados 697 alertas para os três estados, somando 5.361.234 SMS encaminhados.

Histórico – O Japão começou a utilizar o alerta em 2007. Atualmente, mais de 20 países, entre eles o Canadá, Chile, Bélgica e Filipinas contam com serviços semelhantes. Agora, Japão e Brasil mantêm parceria para troca de conhecimento em caso de desastres naturais.

Info.: Assessoria de Comunicação Social
Ministério da Integração Nacional
(61) 2034-5891/ 2034-5399
E-mail: imprensa@integracao.gov.br
Portal: www.mi.gov.br
facebook.com/br.integracao
twitter.com/br_integracao
Comments are closed.

Veja também

O desperdício de alimentos continua alto

É difícil conviver tranquilo com o desperdício corrente de alimentos, que não é pouco. Dad…