Senador quer discutir abusos no setor de telecomunicações

A Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) do Senado aprovou, nesta quarta-feira (13), requerimento do senador Cícero Lucena (PSDB-PB) para realização de audiência pública sobre a prestação de serviços de telecomunicações e de tecnologia da informação a órgãos públicos.

-Apresentei o requerimento porque tenho me deparado com alguns serviços que são prestados e que deixam mais dúvidas do que conclusões, disse o senador.

Segundo Cícero, a Embratel queria aumentar de R$ 220 mil para R$ 600 mil mensais o preço cobrado para transmitir por satélite a programação da TV Senado. O valor foi depois reduzido para R$ 450 mil.

“Se esse tipo de reajuste abusivo está ocorrendo com o Senado, imaginem o que não está acontecendo com iniciativa privada! É preciso que a Anatel se posicione e dê esclarecimentos sobre esse tipo de abuso, se ele está ocorrendo em larga escala. Por isso a audiência é importante. Temos que ouvir representantes de grandes empresas de hardware e software que possuem contratos com o Senado, assim como representantes do governo e do Ministério de Ciência e Tecnologia, para podermos discutir os custos desse tipo de serviço e os abusos cometidos”, argumentou Cícero Lucena durante o debate na CCT.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo