SINTAB irá apresentar proposta da PMCG em assembleia

A audiência com o prefeito de Campina Grande, Veneziano Vital do Rêgo, na tarde desta segunda-feira, 30, às 16h, não trouxe grandes benefícios para os servidores municipais. O presidente do SINTAB (Sindicato dos Trabalhadores Públicos Municipais do Agreste da Borborema), Napoleão Maracajá, afirmou que há uma grande frustração por parte dos trabalhadores que mais uma vez não tiveram seus pedidos atendidos por parte da administração da cidade.

Segundo Napoleão, o reajuste proposto pelo município para o magistério está muito aquém do que foi pedido, já que a proposta do sindicato é a adequação do salário do docente ao Piso nacional da educação, e o que foi oferecido passou de pouco mais de 7%, da mesma forma que a aprovação do Plano de Cargos, Carreira e Remuneração (PCCR) da Saúde também não sairá, já que o prefeito disse que a folha do município não suportaria o reajuste.

“A reunião veio recheada de algumas frustrações, já que o município tem a folha dos efetivos, dos comissionados, dos terceirizados e dos prestadores de serviço sob sua responsabilidade. Se o município tivesse a capacidade de diminuir a quantidade da folha dos que não são efetivos, ele tinha condições de dar um reajuste bem maior do que o que ele propôs”, afirmou o presidente.

Todas as justificativas dadas pela administração municipal serão apresentadas nas assembleias que irão acontecer na manhã e tarde desta terça-feira, 31, no auditório do SESC Centro. Pela manhã, às 9h, serão reunidos os servidores da Saúde, enquanto que no mesmo lugar, só que às 15h30, os servidores da Educação e outras secretarias participarão do encontro.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo