Arraial da saúde mental reúne usuários dos Caps no Parque do Povo

A Pirâmide do Parque do Povo recebeu usuários dos Centros de Atenção Psicosocial (Caps) e moradores das residências terapêuticas de Campina Grande para uma tarde de forró e descontração durante o Arraial da Saúde Mental, ação de cultura e integração promovida pela Secretaria de Saúde da Prefeitura de Campina Grande. O evento aconteceu na tarde desta quarta-feira, 11 de junho.

De acordo com os organizadores, cerca de 300 pessoas participaram do evento, entre usuários atendidos pela rede atenção em saúde mental do Município, familiares e funcionários que atuam nos Caps e residências terapêuticas. Os “forrozeiros” da rede Caps participaram de uma quadrilha e dançaram no salão da Pirâmide ao som do trio do Projeto Reviver, formado por servidores que atuam nos Caps e realizam oficinas artístico-culturais junto com os pacientes.

Além de promover momentos de diversão e cultura para pessoas em tratamento, o arraial também é uma ferramenta de reinserção social, integrando os portadores de problemas mentais com a sociedade e estreitando os laços deles com seus familiares.

“É uma momento de descontração, mas que tem um sentido, que é trazê-los para o palco da festa mais importante da cidade para mostrar que eles podem e devem interagir com a comunidade”, explica Elizabeth Ludgério, coordenadora de saúde mental do Município. A festa junina reuniu usuários das oito unidades do Caps em Campina Grande e das seis residências terapêuticas.

Além do arraial na Pirâmide, a rede de atenção em saúde mental também está presente no Maior São João do Mundo através da loja do Caps instalada na Vila do Artesão, onde são vendidos artigos de artesanato produzidos pelos usuários em tratamento. Os produtos são vendidos a preços populares e toda a renda é revertida para a compra dos materiais usados nas oficinas culturais que fazem parte do processo de recuperação.

Load More Related Articles
Load More By edsolza
Load More In Releases
Comments are closed.