Carnaval na Rota Cervejeira do Rio de Janeiro reúne novos sabores e belas paisagens

A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro (www.rotacervejeirarj.com.br) reúne atrações em seis cidades da Serra Fluminense, em passeios que podem ser feitos a partir do Rio de Janeiro em um único dia ou em um período mais longo, ideal para provar com mais tranquilidade os mais de 60 estilos de cerveja oferecidos pelo roteiro. 

O roteiro inclui as cidades de Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo, Cachoeiras de Macacu, Guapimirim e Santa Maria Madalena e oferece atrações que variam desde “beer experiences” nas grandes cervejarias, visitas às microcervejarias e atrativos turísticos destas cidades, até degustações harmonizadas em restaurantes que oferecem boa comida e contato com a natureza.  

As cervejarias  

Em Petrópolis, por exemplo, há um roteiro de visitas que inclui desde as grandes cervejarias até os brewpubs. A história do local, revela que foram os imigrantes europeus os responsáveis pelo início da grande tradição cervejeira na região, começando pela primeira cervejaria do Brasil, fundada por alemães na cidade de Petrópolis, em 1853. 

Hoje, nas mesmas instalações onde tudo começou, funciona a Cervejaria Bohemia, considerada o maior centro de experiência cervejeira do país. Ainda em Petrópolis, existe o tour na Cidade Imperial, onde é possível acompanhar todo o processo de fabricação de chope e de cerveja, segundo os preceitos da Lei de Pureza alemã. Já na fábrica do Grupo Petrópolis, o visitante pode conferir como é feita a produção da bebida em larga escala. 

Na cidade, também há opção de conhecer a Buda Beer, um brewpub que produz e vende a própria cerveja no local e oferece cursos de produção cervejeira. Os rótulos das novas microcervejarias integrantes da Rota, Cervejaria Real, Duzé, da Côrte, Cazzera e Imperatriz Bier podem ser facilmente encontrados em restaurantes da região. 

Indo para Teresópolis, a grande atração é a Vila Sankt Gallen, um charmoso espaço de degustação e harmonização que atrai cervejeiros e amantes da gastronomia. As cervejas especiais das marcas Therezópolis e Sankt Gallen são destaques entre os vários ambientes gastronômicos que a Villa oferece.  

Em Nova Friburgo, o biergarten do restaurante Bräun Bräun chama a atenção de quem passa pela rodovia Rio Friburgo e convida o turista a saborear pratos típicos das cozinhas suíça e alemã. Para acompanhar, a carta com mais de 150 tipos de cervejas nacionais e internacionais, incluindo as ‘geladas’ da Rota Cervejeira como as iguarias da Barão Bier e Ranz Bier, produzidos na região.  Esta última possui uma cerveja feita com capim-limão. 

Já a Rock Valley, investe na produção de estilos marcantes, como é o caso da Pumpkin Ale, de abóbora, além de opções sazonais. Na visita à fábrica, como o próprio nome sugere, o Rock and Roll rola solto nas caixas de som e dá o tom da trilha sonora. Os amantes da música, podem até arriscar a fazer um som dentro da fábrica, já que os donos mantêm instrumentos como bateria, guitarra e baixo plugados nos amplificadores.  

Mais à frente, em Santa Maria Madalena, é possível degustar a linha de bebidas artesanais da Buzzi. Todas são produzidas na fazenda do proprietário da marca e uma curiosidade é a Rumbier, cerveja feita a partir do melado de cana. 

Para proporcionar aos turistas uma genuína experiência cervejeira, visita aos principais atrativos e uma imersão no estilo de vida das montanhas do Rio, a ACCERJ-TUR indica três agências de turismo receptivo, parceiras da Rota: Agência Serra Brasilis, Agência Terra de Aventura Turismo e Eventos, Agência 4X4 Cantos Ecoturismo, que vão garantir conforto e tranquilidade, para que os visitantes desfrutem ao máximo a Serra Fluminense. 

Sobre a Rota Cervejeira 

A Rota Cervejeira do Rio de Janeiro (www.rotacervejeirarj.com.br) reúne atrações em seis cidades da Serra Fluminense: Petrópolis, Teresópolis, Nova Friburgo, Cachoeiras de Macacu, Guapimirim e Santa Maria Madalena. Em cada uma delas o turista encontra uma experiência marcante, além do convívio com a natureza e com o patrimônio histórico da região. 

O roteiro de visitas inclui cerca de 60 estilos de cerveja, divididos entre fabricantes de grande porte, micros cervejarias e brewpubs com opções para todos os gostos e estilos. 

Cerveja – A produção e comercialização de cervejas movimenta 2% do PIB, o que faz do Brasil o terceiro maior mercado da bebida no mundo. Entre os nichos em expansão está o mercado de cervejas especiais e artesanais, que atrai um público com maior poder aquisitivo. Outras tendências que suportam os investimentos no novo roteiro estão a tendência de disseminação da cultura cervejeira e a sofisticação de consumo pela experiência gastronômica, além do aumento da população adulta e do interesse das mulheres por cerveja.  

Informações para a Imprensa 

Em Foco Assessoria de Comunicação 

Priscilla Oliveira – priscilla@emfoco.net

Nelson Lourenço – nelson@emfoco.net 

Tel.: (11) 3816-0732 

 
Comments are closed.