Gevisa fiscaliza e notifica bares e restaurantes por descumprir exigências de segurança sanitária

A Secretaria Municipal de Saúde de Campina Grande, através da Gerência de Vigilância Sanitária (Gevisa), está intensificando as ações de fiscalização de bares e restaurantes, com relação ao cumprimento das medidas de segurança sanitária. Na noite da quinta-feira, 25, as equipes visitaram 15 estabelecimentos e a maioria deles foi notificada por exceder o número máximo de clientes no espaço.

De acordo com a Gerente da Gevisa, Betânia Araújo, os bares e restaurantes foram flagrados descumprindo a exigência de redução de lotação a 50% da capacidade do local. Com isso, muitos deles também não atenderam à regra de distanciamento mínimo de 1,5m entre cada mesa.

“Alguns dos estabelecimentos estavam cheios e tivemos que interromper o acesso de novos clientes até o espaço ser esvaziado. Notificamos esses bares e restaurantes para retirarem as mesas do espaço, de modo que a distância mínima seja respeitada, bem como a regra de lotação de 50% da capacidade. Vamos retornar aos estabelecimentos nesta sexta e, caso a orientação não tenha sido atendida, os espaços serão interditados”, disse Betânia.

A Gevisa iniciou um mutirão de fiscalizações, com o apoio da Polícia Militar e do Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon). Além disso, os fiscais vão realizar barreiras sanitárias a partir da próxima semana em espaços como terminais rodoviários.

Além dessas ações, a Prefeitura Municipal de Campina Grande segue desenvolvendo um trabalho de prevenção, conscientização e combate ao novo coronavírus em várias frentes, com atividades da Secretaria de Serviços Urbanos (Sesuma) nas feiras, da Superintendência de Trânsito e Transportes Públicos (STTP) nas ruas e no Terminal de Integração e outras ações realizadas pela Secretaria de Esportes e pela Secretaria de Ciência e Tecnologia, por exemplo.

Fonte: Codecom

Load More Related Articles
Load More By Ionete Ramos
Load More In Cotidiano
Comments are closed.