Moleka 100 Vergonha é campeã do XXII Edição do Festival de Quadrilhas Juninas de Campina Grande

A quadrilha junina Moleka 100 Vergonha foi a campeã deste último domingo, 16, da XXII Edição do Festival de Quadrilhas Juninas de Campina Grande.

A Moleka obteve 268,6 pontos da comissão julgadora. O segundo lugar ficou para a Arraial em Paris (268,1 pontos), com a Mistura Gostosa (267,3 pontos) no terceiro posto.

Agora, essas três juninas vão representar Campina Grade no Festival Paraibano, que começa nesta segunda-feira, 17, e segue até a próxima quinta, 20, em Santa Rita.

Realizado na Pirâmide do Parque do Povo, o concurso deste final de semana reuniu milhares de pessoas e animou mais um domingo de muita festa no Maior São João do Mundo 2019.

O Festival de Quadrilhas Juninas de Campina Grande tem o apoio da Prefeitura Municipal e a realização da Associação de Quadrilhas Juninas da cidade, a Asquaju.

“Foi um dia muito especial. Tivemos a apresentação de 10 quadrilhas, mais uma convidada, que estão fazendo um trabalho em busca de um espaço ainda maior no cenário nacional e internacional. Campina Grande é uma referência em quadrilhas juninas”, declarou Márcio Marques, presidente da Associação das quadrilhas de Campina Grande.

A vencedora, junina Moleka 100 Vergonha, foi a quadrilha que abriu a noite com um show de arte e cor. Sempre inovando, destacou em seu enredo a justiça e o poder. No concurso se apresentam ainda as quadrilhas juninas Arraiá Fagundes, Mistura Gostosa, Junina Cambebas, Flor de Lampião, Arraial em Paris, Rojão do Forró e Filhos de Campina.

“Trabalhamos seis meses ensaiando e, chegar no concurso campinense é uma eterna satisfação para a quadrilha. O espetáculo que fazemos, toda a preparação, ensaios, escolha do figurino, tema, tudo isso é para este dia de hoje. É o mais importante concurso e estamos em casa. Nossos familiares estão aqui, prestigiando nosso trabalho. A cada ano a Moleka se reinventa e cresce ainda mais. Só temos a agradecer. Nossa quadrilha é uma família, a união é o que nos conduz”, declarou Mari Silva Lima, integrante da Moleka.

CODECOM PMCG

Foto: Emanuel Tadeu

 
Comments are closed.