Moradores do Conjunto Aluízio Campos iniciam vistoria de moradias

O primeiro contato com a casa própria ninguém esquece. Este momento de emoção foi vivenciado na manhã desta terça-feira, 17, por centenas de pessoas contempladas com casas e apartamentos construídos no Conjunto Aluízio Campos, em Campina Grande.

A vistoria dos futuros moradores vai prosseguir até o dia próximo dia 20, enquanto a entrega oficial do novo complexo habitacional de Campina Grande acontecerá no dia 11 de outubro, em ato a ser comandado pelo prefeito Romero Rodrigues, com a presença de autoridades federais.

Quem chegou cedo ao Aluízio Campos, por exemplo, foi o casal Édna Silva e Rogério dos Santos Araújo, que, a exemplo dos futuros vizinhos, conheceu o seu apartamento, localizado no bloco 01, da Quadra A 1L1. Com quadro andares, este bloco dispõe de 16 apartamentos, sendo quatro por andar.

Feliz com a conquista da casa própria, o casal também aguarda a chegada do terceiro filho. Atualmente, Édna e Rogério residem na casa de familiares, no bairro de José Pinheiro, mas já viveram durante anos a rotina de pagar aluguel. Agora, finalmente, consideram que estão perto de realizar o maior sonho das suas vidas.

“De fato, agora estamos contemplando a concretização de nosso sonho”, afirmou Rogério ao vistoriar toda a estrutura da sua futura morada. Já a sua esposa avalia como sendo marcante este primeiro ingresso na residência, destacando que “tudo está além das suas expectativas”. Ambos vislumbram que viverão uma nova etapa na existência, sobretudo pela garantia de um futuro melhor para toda a família.

Equipes da Secretaria Municipal de Planejamento (Seplan) e da Construtora Rocha receberam os moradores do Aluízio Campos, sendo prestadas todas as informações e orientações para quem vai residir no maior conjunto habitacional recentemente construído no país.

Na visão do secretário executivo da Seplan, Carlos Dunga Júnior, este trabalho de vistoria “representa um dos pontos mais importantes e emocionantes da história do novo conjunto campinense”, numa providência que dá oportunidade para que as pessoas conheçam, definitivamente, o local onde vão morar, observando as condições de habitabilidade que lhes são oferecidas.

Ele lembrou que, ao longo tempo, sempre foram realizadas reuniões destinadas a explicar aos moradores como o conjunto foi construído, sua infraestrutura e como se dará o funcionamento dos equipamentos comunitários, limpeza pública, mobilidade urbana, acessibilidade e outras condições próprias de uma moradia digna.

Por sua vez, o secretário Diogo Flávio Lyra, da Seplan, alerta os beneficiários para que se atentem ao cronograma, divulgado no site oficial da PMCG, (https://campinagrande.pb.gov.br/wp-content/uploads/2019/09/CONVOCACAO-VISITA-17-a-20-de-setembro-de-2019-manha-e-tarde.pdf ), no qual constam as datas e horários exatos para cada usuário se fazer presente no conjunto.

O secretário explicou que um ônibus está programado para conduzir os mutuários da entrada do Módulo 3, próximo à nova rotatória de acesso ao Aluízio Campos, para as ruas onde os imóveis serão vistoriados pelos proprietários. O mesmo transporte retornará com os grupos ao local de saída após o término das visitas.

Diogo Lyra ainda reiterou que a Prefeitura de Campina Grande tem-se organizado para cumprir à risca o cronograma de visitas, sem que haja a necessidade de alterações no calendário previsto.

Codecom PMCG 

 
Comments are closed.