Programa Água Doce inicia ciclo de encontros estaduais em Campina Grande

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) inicia nesta semana o ciclo 2019 de encontros estaduais do Programa Água Doce (PAD), coordenado pelo Departamento de Recursos Hídricos e Bacias Hidrográficas. O primeiro evento será realizado em Campina Grande (PB), nesta quarta (15) e quinta-feira (16). As atividades buscam fortalecer a integração de instituições responsáveis pela execução do programa, além de promover a capacitação de técnicos dos núcleos gestores e de representantes dos municípios e das comunidades. O objetivo é aperfeiçoar e ampliar o Água Doce nos estados do semiárido brasileiro – sua área de atuação.

No centro dos debates, o papel dos estados, municípios e das comunidades na gestão compartilhada dos sistemas de dessalinização, tendo como foco as áreas de Saúde e Educação dos municípios. Serão abordados dois aspectos principais: a operação dos sistemas e a institucionalização deles como equipamento social para atender com água de qualidade os setores de educação e saúde.

Além de coordenadores e gestores nacionais e locais do PAD, estarão reunidos representantes de empresas, instituições parceiras e das comunidades atendidas. Haverá, ainda, uma oficina de capacitação para operação dos sistemas de dessalinização.

A implementação do Programa Água Doce na Paraíba começou em 2012, com os diagnósticos socioambiental e técnico. Nesta etapa, foram feitos testes de vazão dos poços e análise da qualidade das águas em municípios e comunidades. Atualmente, 59 sistemas estão em operação no estado, garantindo o atendimento a cerca de 35,6 mil pessoas. A meta para este ano é colocar em funcionamento todos os 93 sistemas já construídos, ampliando o alcance da iniciativa para mais de 50 mil habitantes.

Encontros

Ainda em maio, nos dias 20 e 21, será realizado o encontro do PAD na Bahia, em Salvador. No mês de junho, estão previstos encontros no município de Santana do Ipanema, em Alagoas (13 e 14), e em Natal, no Rio Grande do Norte (27 e 28).

Em julho, será a vez de Teresina, no Piauí (4 e 5); São Luís, no Maranhão (11 e 12); e Fortaleza, no Ceará (25 e 26).  O encontro na cidade de Tobias Barreto, em Sergipe, será nos dias 1° e 2 de agosto.

Água Doce

O Programa busca estabelecer uma política pública permanente de acesso à água de boa qualidade para consumo humano, incorporando cuidados técnicos, ambientais e sociais na recuperação, implantação e gestão de sistemas de dessalinização, prioritariamente em comunidades rurais do semiárido brasileiro.

Imprensa Ministério da Integração imprensa@mdr.gov.br

 

Comments are closed.