Nacional

Sebrae realiza programação especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher

Os impactos econômicos da pandemia afetaram os planos das mulheres empreendedoras brasileiras. De acordo com levantamento do Sebrae, no 3º trimestre de 2020 havia cerca de 25,6 milhões de donos de negócio no Brasil, sendo que mais de 8,5 milhões eram mulheres. Além disso, a 9ª Pesquisa de Impacto do coronavírus nos pequenos negócios já indicava que 75% das mulheres empreendedoras acusaram diminuição no faturamento mensal.

Diante desse cenário, o Sebrae realizou uma programação especial para celebrar o Dia Internacional da Mulher, comemorado neste 8 de março. Entre as ações esteve a realização de um webinar com três painéis, no canal da instituição no Youtube. As abordagens se voltaram para a digitalização dos micro e pequenos negócios e ao empreendedorismo feminino.

O primeiro encontro começou por volta das 10h e destacou a relevância da comunicação com os clientes. Uma das participantes do bloco, a fundadora e CEO da Wakanda Educação Empreendedora, Karine Oliveira, ressaltou a importância da linguagem e o uso das redes sociais para aumentar vendas.

“A ideia é podermos imaginar para quem estamos falando. Acredite, vai ter público para todo mundo. Mas, o negócio é como você chama atenção do seu público, saber onde eles estão, se são mais audiovisuais ou mais auditivos. Precisamos saber como atrair a atenção dele. E, a comunicação na rede social é muito sobre isso”, explica.

O segundo painel, abordou o tema “Seu Negócio Digital: da ideia ao primeiro investimento”. O momento contou com a participação da CEO da Buzzfeed Brasil e fundadora da Plano Feminino, Vivi Duarte. Na ocasião, ela apresentou dicas de como as empreendedoras iniciantes podem agir para ter mais sucesso no trabalho.

“É uma cilada agirmos de forma precipitada e não analisarmos o contexto. Escreva tudo em um papel e pontue as responsabilidades de cada parceiro no negócio. Isso é importante para quando você, de repente, precisar desfazer essa parceria ou sociedade não lhe causar dor de cabeça”, orienta.

O último painel do evento, que teve início por volta das 14h30 tratou sobre “Comércio Eletrônico Descomplicado e Redes de Mulheres na Tecnologia”. O momento contou com a presença de Carol Moreno, fundadora do Movimento Mulheres no E-commerce; Adriana Barbosa, CEO da Preta Hube e fundadora da Feira Preta e Gabriela Alves, Co-Founder & COO at Unbo.

Sebrae Delas

O Dia das Mulheres também foi marcado pelo lançamento da segunda temporada da websérie Sebrae Delas. O material é apresentado no estilo minidocumentário. O conteúdo apresenta histórias inspiradoras de empreendedoras de todo o Brasil.

No vídeo, mulheres contam como têm enfrentado a crise e reinventado seus negócios diante da pandemia do novo coronavírus. O projeto Sebrae Delas também vai ganhar uma página no portal Sebrae com conteúdo especial.

Agência do Rádio

Fonte: Brasil 61

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo