Secretaria de Saúde realiza chamamento público para contratar pediatras em Campina

A Secretaria de Saúde de Campina Grande abriu um chamamento público, para contratar médicos especialistas nas áreas de pediatria e neonatologia. O objetivo é fortalecer a escala de profissionais do Instituto de Saúde Elpídio de Almeida. Os médicos vão receber entre R$ 1.300,00 e R$ 1.500,00 por plantão de 12 horas.
Atualmente, a maternidade conta com cerca de 20 médicos pediatras e neonatologistas na escala de profissionais. Contudo, a demanda de atendimentos tem aumentado com o número de partos realizados na unidade, já que muitos outros municípios não estão realizando partos em seus hospitais por causa da pandemia da Covid-19 e as gestantes são encaminhadas para Campina Grande.
Além disso, diversos trabalhadores foram afastados preventivamente das suas atividades por pertencerem ao grupo de risco do novo coronavírus. “Estamos realizando essa contratação imediata para atender à demanda crescente da maternidade. Desde o início da pandemia a Secretaria de Saúde tem realizado o chamamento de médicos de todas as especialidades, mas enfrentamos dificuldade para contratar pediatras e neonatologistas”, disse o secretário Filipe Reul.
Justamente para sanar essa dificuldade, desde 2016 a Secretaria Municipal de Saúde implantou, em parceria com outras instituições, o Programa de Residência Médica de Campina Grande, para formar estes profissionais escassos no mercado e dentre as especialidades da residência estão pediatria e neonatologia.
Com a pandemia da Covid-19, o Isea precisou passar por reformulações e 34 dos 140 leitos do hospital foram isolados para pacientes com suspeita da doença. A direção da maternidade vai ampliar os leitos da ala semi-intensiva de oito para quinze. O Isea é hoje a maior maternidade da Paraíba. Em 2019, foram realizados mais de sete mil partos.
Codecom PMCG
Comments are closed.