DestaquesPolítica

Unidos, políticos e entidades conseguem a sonhada duplicação de “Campina para o meio do mundo”

VITÓRIA! Ordem de serviço para duplicação da BR-230 já foi assinada

O DNIT – Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes, já emitiu a ordem de serviço para o início imediato da duplicação da BR-230, a partir da Alça Sudoeste até a Praça do Meio do Mundo. Uma vitória de Campina Grande, encabeçada pelos vereadores Sargento Neto (PL) e Marinaldo Cardoso (Republicanos), presidente da CMCG, com o apoio dos parlamentares, de entidades e instituições que se engajaram na luta.

De acordo com o Sargento Neto, uma luta iniciada pelo seu mandato com muita dificuldade, que foi encampada por seu amigo Marinaldo Cardoso. Os dois foram várias vezes à Brasília, com o objetivo de pedir apoio aos representantes da Paraíba, na Câmara Federal, no Senado e nos Ministérios.

“Recebemos o apoio de diversos setores da sociedade e de vários políticos, numa contribuição que faço questão de registrar”, destacou o vereador.

Agradecimentos aos senadores e deputados que aportam recursos através de emendas dos senadores: Veneziano Vital; Nilda Gondim e Daniella Ribeiro.

Aos deputados federais que também destinaram emendas: Efraim Filho, Pedro Cunha Lima, Aguinaldo Ribeiro, Hugo Motta, Dr Damião, Frei Anastácio, Ruy Carneiro e Edna Henrique

Às entidades e instituições que se envolveram na luta: Assembleia Legislativa da Paraíba; Sinduscon; CDL – Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande; FIEP – Federação das Indústrias do Estado da Paraíba; Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande; Associação Campinense de Imprensa; Famup; Câmara Municipal de Campina Grande.

E ainda: DNIT; Ministério da Infraestrutura; e ao presidente da República, Jair Bolsonaro.

O chefe do legislativo municipal destacou a dimensão da luta e a importância da conquista, exaltando a rede de apoios que o esforço em defesa da obra movimentou, unindo a classe política e setores da sociedade civil.

“Tudo começou numa reunião pequena, que se transformou em um movimento grande, em um ato expressivo na FIEP com o apoio de entidades, com idas de comitivas a Brasília para bater na porta dos deputados e senadores”, frisou. “Foi uma luta que, em alguns momentos, se mostrou bastante difícil, mas, graças a esse esforço coletivo, vingou”, completa.

Marinaldo Cardoso ressalta, ainda, o engajamento dos vereadores e o papel da Câmara atuando como agente agregador, buscando unir os mais variados setores e lideranças em prol de uma causa comum e de grande relevância não apenas para Campina Grande, mas para toda a região.

Assessoria de Comunicação

Foto: Divulgação

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo