Passageiro acompanha trajeto dos ônibus em tempo real pela internet

onibusUma nova tecnologia vem melhorando a qualidade do serviço de empresas de transporte de passageiros. O sistema Transdata de Monitoramento e Gestão de Frota permite que os usuários acompanhem pela internet se o ônibus está chegando no ponto, ajuda os motoristas a escapar de congestionamentos e aponta aos gestores as linhas que podem ser melhor aproveitadas.

Uma das empresas que utilizam o sistema é a Transporte Coletivo Grande Londrina (TCGL), responsável por 81% da rede de ônibus daquela cidade no Paraná, com uma frota de 352 veículos, 109 linhas e cerca de 150 mil passageiros transportados diariamente.

A TCGL disponibiliza em seu site (www.tcgrandelondrina.com.br) um mapa da operação das linhas em tempo real (em mapa atualizado automaticamente a cada 15 segundos). “É um recurso que teve grande impacto junto à população. Chegamos a receber e-mails de usuários que não acreditavam naquilo. Eles ficaram surpresos”, relata Manoel Nascimento, gerente de Tecnologia da Informação.

A inovação resultou da necessidade da empresa de implantar uma ferramenta que auxiliasse no gerenciamento, controle de custos, estudos para otimização das linhas e na implantação de novos itinerários.

Por meio de uma Central de Controle Operacional (CCO), o sistema permite que se acompanhe em tempo real qualquer ocorrência em cada um de seus veículos, dando apoio aos motoristas e aos fiscais de tráfego.

“Analisamos como podemos reestruturar as linhas para diminuir a quilometragem ociosa, o desgaste do carro, e, ao mesmo tempo, atender melhor à população”, explica o encarregado da CCO, Agnaldo Arthuzo.

“Estudamos a distância entre as paradas, o fluxo de trânsito e a demanda de usuários de cada região, para localizar onde seriam os lugares ideais para os pontos de parada. Isso permite aumentar o conforto do nosso serviço aos passageiros e que nossos motoristas trabalhem com mais tranquilidade”, conclui.

Economia de combustível

Com o monitoramento da frota, a TCGL conseguiu reduzir em 50% a quilometragem ociosa de seus ônibus (percurso sem passageiros) nas viagens de volta às garagens, o que gera um impacto considerável no consumo de combustível. Era um custo que a empresa nem imaginava ter.

Os motoristas da TCGL vêem o CCO como uma ferramenta de apoio, avisando-os sobre as condições do trânsito, acidentes e posicionamento dos outros veículos da linha. Em caso de problemas em uma linha, um alerta surge no monitor da central, que imediatamente se comunica com o condutor. Este relata a ocorrência e o CCO toma as devidas providências.

Impactos imediatos também são sentidos no consumo de combustível em toda a operação e na manutenção mecânica. O sistema registra, entre outros índices, a média que cada motorista mantém da faixa RPM do motor, indicando se a aceleração ou as freadas estão adequadas. Essas informações são utilizadas no treinamento e conscientização dos motoristas, o que resulta diretamente na diminuição do consumo de diesel e do desgaste dos veículos, além de melhorar a qualidade do serviço prestado.

“Todas essas melhorias fazem com que, cada vez mais, os passageiros vejam as empresas de transporte coletivo como parceiras, preocupadas com a sua segurança e conforto”, afirma José Carlos de Lima, diretor Administrativo da TGCL.

O Sistema de Gestão e Monitoramento de Frota é desenvolvido pela Transdata Smart, empresa de Campinas (SP), com tecnologias presentes no transporte coletivo de cerca de 150 cidades no Brasil e em outros países da América do Sul. Entre suas soluções também estão sistemas de bilhetagem eletrônica e identificação digital.

Load More Related Articles
Load More By edsolza
Load More In 
Comments are closed.